Metais como matéria-prima de vidros

1 1 1 1 1
VidroGraças a uma técnica de arrefecimento ultra-rápida é possível transformar metal em vidro. Segundo investigadores da Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos da América, metais elementares, como tântalo e vanádio, se arrefecidos instantaneamente a seguir à fundição transformam-se em vidro.
Para desenvolverem esta técnica, os investigadores criaram um dispositivo para fazer um arrefecimento extremamente rápido (1014 K s−1) dos metais depois de fundidos, conferindo-lhes propriedades muito diferentes antes deste processo.

Os vidros metálicos monoatómicos, como são denominados por terem origem em metais puros, são muito fortes e podem ser processados como se fossem plástico, razão pela qual estão a ser alvo de mais experiências de forma a terem várias aplicações comerciais.

Fonte: Site Inovação Tecnológica